Loading...

Artigos

Conceitos, tendências, idéias, um pouquinho de tudo que entra e sai da nossa caixola.

17 Out

Algumas dicas para melhorar o projeto do seu site.

17/10/17    
Empresas novas surgem o tempo todo, e mostrar a importância de um bom projeto de design para esses novos empreendedores é muito mais desafiador do que desenvolver o projeto propriamente dito.

Depende de nós, designers, desenvolvedores, proprietários de agência, sócios, funcionários, mostrar a importância e as soluções que um bom projeto de design estratégico irá trazer de benefício para o projeto em sí e para a empresa contratante.

Selecionei alguns pontos que devem ser observados no desenvolvimento de projetos, trazendo um bom resultado para a empresa num curto período de tempo.
Design pensado estrategicamente

Boa parte do tempo somos tentados a querer por a mão na massa indo direto para a parte técnica, já criando a “cara” do site com imagens e textos, partindo para escrever o seu código. Mas sem uma estratégia pré-definida, isso será um convite para o caos.

Começamos com o planejamento do projeto traçando os seus objetivos, definindo a ordem da hierarquia das informações, sabendo qual a finalidade e importância de cada elemento da página, para depois pensar em toda a sua estética e aparência do site.

Planejar irá poupar tempo na execução do projeto, pois você não terá que refazer o conteúdo de todo o site. Por isso conversamos com o cliente verificando o grau de importância de cada conteúdo da página, para só depois elaborar um pré-layout, onde iremos ajustar o conteúdo e definir as suas funcionalidades.
A mobilidade vem primeiro

Não há o que negar, a maior parte do tráfego on-line vem por meio dos dispositivos móveis. Sites que não se adequam a esta realidade não terão boa aceitação perante o público.

Hoje o Google indexa melhor as páginas otimizadas para dispositivos móveis devido ao seu algoritmo mobile friendly.

Pensando nisso, a melhor estratégia é iniciar o planejamento pelas versões menores para depois pensar na versão desktop, para telas maiores. Deste modo minimizamos as surpresas e problemas que possam ocorrer com conteúdos que não se encaixam em telas reduzidas.
O valor do seu produto ou serviço como elemento principal

Mostrar o que o seu produto/ serviço faz, e porque as pessoas necessitam dele. Isto tem que ser a primeira coisa que o usuário tem que ver. Não faça com que as pessoas fiquem procurando os seus diferenciais, mostre logo e seja claro.
Trabalhando o Call to Action

O que é um call to action afinal?

É uma chamada para uma determinada ação que você destaca para o usuário interagir dentro do seu site, podendo estar inserida dentro de um texto, imagem, vídeo ou botão. Deve passar uma mensagem clara e objetiva para que as pessoas entendam como podem adquirir o que você está oferecendo.

É importante que esta oferta esteja à vista, para o seu fácil acesso. Por isso avaliar qual a posição correta que deve estar dentro da página é fundamental, para que assim mais pessoas possam interagir com o seu negócio.
Diminua as distrações, simplifique

Vamos direto ao ponto, nada de ficar carregando a página com muitos detalhes abusando de cores e fontes de letras diferentes. Quanto mais rebuscado, mais complicada fica a visualização e o acesso aos elementos importantes da sua página.

Simplificar não é algo ruim, é pensar em otimizar o acesso das informações, trabalhando as cores sem exageros, mantendo um bom contraste e hierarquia das informações. Proporcionar uma maior adaptação em diferentes resoluções, agredindo menos os olhos  e minimizando as distrações de usuários que não tem conhecimento sobre o seu trabalho e, o mais interessante, permite que uma pequena variação na cor ou forma chame uma grande atenção no que realmente importa na página.
Usabilidade e acessibilidade


Pense em como o seu público irá ter acesso às suas informações.

Será que a leitura está sendo de fácil entendimento?

De que adianta escrever um belo artigo, ou oferecer o melhor produtos, se a chamada para ele estiver inteligível.

Um texto fácil de ler não é um diferencial, mas é o básico e essencial que devemos fazer para que o seu público possa entender o que está sendo transmitido. Texto claro e objetivo não deve ser só bem escrito, mas diagramado de modo a que o conteúdo não fique “embolado”. Por isso avalie o contraste do texto com o fundo, o entrelinhamento e o distanciamento dos parágrafos, a cor da fonte de letra e títulos.

Conteúdo sem cuidado estético e visual prejudicam a sequência da informação e a sua absorção por parte dos usuários. Então, se transmitir o conteúdo já está sendo difícil, imagine o restante do site como deverá estar.

Podemos ficar falando horas sobre acessibilidade, para quem quer se aprofundar acesse: artigo da W3C com seu guideline para padronizar a acessibilidade na web.

SEO é seu melhor amigo


Como o seu site vai ser encontrado na web?

Devemos pensar nos mínimos detalhes estruturais, tais como: semântica, código limpo, responsividade, conteúdo relevante, entre tantos outros. A otimização para mecanismos de busca é essencial para a sobrevivência de qualquer projeto, pois uma busca orgânica vale muito!

Existem diversas ferramentas on-line, como o próprio Google Analytics que podem auxiliar nisso.

Tenha sempre em mente que essa é a etapa mais demorada para obter resultados mas vale muito o investimento.

Há muito tempo o design não é mais um diferencial. É parte essencial de qualquer negócio. Com os usuários cada vez mais exigentes e bem informados, um produto só sobreviverá se tiver uma boa estratégia, estética, foco e qualidade.

Sobre o autor

Adriano Vidoretto

Formado em Administração de Empresas pela FMU, Fotografia pelo Senac e Design Gráfico pela Escola Panamericana de Artes. Multidisciplinar e especialista em marketing digital, cria produtos e desenvolve serviços nas áreas digital e impressa. Tem paixão e dedicação pelo que faz, auxiliando na comunicação de pequenas e médias empresas.

Comentários

Deixe um comentário